A Pesca está a “morrer” na Grécia

Na Grécia, centenas de pescadores estão a entregar as licenças e a enviar os barcos para abate. Desde que a União Europeia ofereceu dinheiro aos pescadores para deixarem a faina, são muitos os que decidiram abandonar esta atividade.

Nos últimos 20 anos já foram destruídas mais de 5300 embarcações pesqueiras, neste país. A Agência Ambiental Europeia fala de uma diminuição critica dos stocks no Mediterrâneo e oferece entre 6 mil e 260 mil euros aos pescadores pelo abate dos barcos.

De acordo com a Euronews, muitos pescadores consideraram a compensação demasiado tentadora para ser ignorada, principalmente com a crise económica que se vive. De acordo com este website, o pescador Panagiotis Pagonis atribui a  queda de 50% da captura a uma pesca excessiva, à falta de regulamentação, à poluição e aos elevados custos operacionais.

Panagiotis Pagonis recebeu mais de 80.000€ para destruir o seu barco pois, para receberem o pagamento integral, os pescadores precisam de destruir os barcos no depósito da sucata.

O abate dos barcos de pesca produz uma reação em cascata sobre a economia local. “Eles querem parar de pescar para proteger o mar. Mas destruir barcos também nos destruirá. Isto não está certo”, diz o construtor Yannis Prasinos, à Euronews.

Fonte: Euronews

greece-2050396_960_720

Artigos relacionados

Edição de abril da revista ‘Mundo da Pesca’ já chegou às bancas

O destaque desta edição é a pesca com pião e algumas soluções alternativas para não ficar limitado à pesca na enchente.

Praias da República Dominicana invadidas por Ondas de Lixo

As imagens são assustadoras! As praias de Santo Domingo, na República Dominicana, foram invadidas por ondas de lixo.

“Pisões Carp Classic” contou com mais de 50 equipas

Realizou-se a 4ª edição do evento ‘Pisões Carp Classic’, na albufeira do Alto Rabagão, que contou com a participação de mais de 50 equipas.

0 Comentários

Ainda sem comentários!

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Deixe um comentário