ASAE apreende artigos de pesca falsificados

ASAE apreende artigos de pesca falsificados

A ASAE apreendeu artigos de pesca falsificados à venda na Internet, no valor de 6.250 euros, no seguimento de uma investigação em que cumpriu cinco mandados de busca em Vila Nova de Gaia.

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) anunciou que agiu na sequência de uma queixa e de uma investigação de seis meses à produção e venda de artigos para pesca que imitavam modelos registados e legalmente protegidos.

As vendas foram detetadas nas redes sociais e numa página de internet direcionada para o público-alvo da pesca, afirma a ASAE em comunicado.

“Foi detetado o local de produção dos artigos de pesca”, onde se reproduziam “partes características de um modelo registado”, acrescenta a ASAE, precisando que os materiais eram vendidos para vários pontos do país, através da publicidade feita online.

Entre os artigos apreendidos , as autoridades encontraram moldes, vinil e tintas para recriar os modelos originais. Foi também apreendido um computador para recolha de prova.

Artigos relacionados

Slow Jigging na Feira de Setúbal

O Slow Jigging também vai ser promovida na próxima Feira de Setúbal.

Pesca ao robalo | É Tempo de Sermos Ouvidos!

A Angling Trust e a Save Our Sea Bass aumentaram a pressão sobre a Comissão Europeia depois de novas revelações científicas: a mortalidade de robalos apanhados por pescadores no mar é, na verdade, muito menor do que a estimada no ano passado

Armadores e investigadores querem período de defeso para pesca do polvo

As “Tertúlias do Polvo” reuniram pescadores, associações de armadores, instituições governamentais e investigadores que chegaram à conclusão de criar um período de defesa para a captura do polvo no Algarve.

0 Comentários

Ainda sem comentários!

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Deixe um comentário